segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Início das aulas! Dinâmicas para se divertir com os pequeninos...

"O saber que não vem da experiência, não é realmente saber!" Vygostky

Então que tal proporcionar dinâmicas para interagir, ensinar e compartilhar momentos com nossos alunos? A volta às aulas é uma grande oportunidade para fazermos algo diferente para os pequeninos, com esse pensamento, segue algumas dinâmicas para fazermos em sala de aula... Lembrando também que o Cantinho também disponibiliza apostilas inteiras com dinâmicas para baixar!!!!! 

volta as aulas

Sugestões de Dinâmicas

- ÁRVORE das férias:

Representar uma árvore no papel pardo ou cartolina;

afixá-la no painel ou parede.

Em cima da árvore, escrever uma pergunta relacionada as férias

que será tratado durante a semana .

Ex.: Como foi...?Cada criança receberá uma "folha da árvore" para

escrever o que quiser ou desenhar o que lhe der vontade.

Depois, pedir para cada criança colocar sua folha na árvore

Obs: Esta atividade poderá ser retomada durante a semana para que

haja uma reflexão sobre o que eles queriam e o que conseguiram alcançar.

- DA CONFUSÃO À ORDEM

Estas atividades são ideais para que a criança perceba a necessidadeda

organização para o bom desempenho das atividades.

O professor pode,a partir da fala das crianças, levantar algumas regras

para aorganização em sala de aula.

Pedir para que as crianças, todas ao mesmo tempo, cantarem uma música

para o seu companheiro do lado (esta atividade gerará um caos); depois

pedir a um aluno que cante a música dela para a classe.

As crianças perceberão como o caos é desagradável e

como a ordem tem um sentido.

O professor poderá levantar com as crianças outras situações vividas

onde a organização é essencial.

- O LAGO DE LEITE

(Despertar no aluno o prazer do trabalho em conjunto e a importânciada

ação individual na contribuição com o todo.

O professor poderá falarum pouco sobre o trabalho na série,

para que as crianças entendam aimportância do envolvimento de todos

para a realização do mesmo).

Em um certo lugar no Oriente, um rei resolveu criar um lago

diferentepara as pessoas do seu povoado.

Ele quis criar um lago de leite, então pediu para que cada um dos

residentes do local levassem apenas 1 copode leite;

com a cooperação de todos, o lago seria preenchido.

O rei muito entusiasmado esperou até a manhã seguinte

para ver o seu lago deleite. Mas, tal foi sua surpresa

no outro dia, quando viu o lago cheio

de água e não de leite. Em seguida, o rei consultou o seu conselheiro

que o informou que as pessoas do povoado tiveram o mesmo pensamento:

"No meio de tantos copos de leite se só o meu for de água ninguém vainotar..."

Questionar com as crianças:

Que valor faltou para que a idéia do reise completasse?

Após a discussão é interessante que os alunos

construam algo juntos, como por exemplo:

o painel da sala. A sala podeser decorada com um recorte que,

depois de picotado, forma váriaspessoas de mãos dadas, como uma corrente.
TÉCNICA DO ABRAÇO
Participantes: Indeterminado (todos os que estiveremparticipando)
Frase: "Quanta coisa cabe em um abraço.
"Objetivos:
criar uma certa intimidade e aproximação com os colegas já que estão voltando de férias; •avaliar o sentimento de exclusão de quem está com o balão;
• sentir que precisa da colaboração do outro para não ser "atingido" pelo balão.
Observação:
ABRAÇO (do dicionário): demonstração de carinho, de amizade, acolhimento,
ligação, fusão, união.
ABRAÇAR: apertar com os braços, entrelaçar-se, ligar-se, unindo-se.
(Deixar claro a importância de um abraço a quem
precisa e entre o próprio grupo =UNIÃO).
OBS 2: levar bexigas e CD.Descrição:
Abraçar o colega encostando o peito e contando até três para trocar de "par".
Um participante fica de fora com um balão que deverá
encostar no peito de alguém"disponível" que assumirá o
seu lugar ficando com o balão.Para que não seja encostado o balão,
o abraço deverá ser forte e bem próximo e a troca de pares
deverá ser rápida.
EMPRESTANDO O LÁPIS
Objetivo:
Mostrar a importância da partilha e a união entre as crianças.
Participantes:
Todos os presentes no encontro
Material:
Lápis de cor e desenho impresso.
- Pedir para que as crianças tragam para o próximo encontro
um lápis de cor.Importante:
Cada criança deve trazer apenas um lápis.
Se a professoraver que a criança trouxe a caixa com
mais cores, pedir para que a criança escolha a cor que mais gosta.
- A professora deve trazer impresso em papel um desenho para as crianças colorirem.
O ideal é uma folha para cada criança.
Na folha deverá ter o mesmo desenho duas vezes.Descrição:
Distribui-se uma folha para cada criança, pedindo que elas pintem
apenas um desenho e com a lápis que trouxe.
O desenho vai ficar com uma tonalidade apenas.
Quando as crianças terminarem o primeiro desenho,
pede-se que inicie o segundo, mas agora elas não irão pintar
somente com as cores que elas trouxeram e sim que emprestem
o lápis do outro amigo para colorir o desenho,
assim cada criança irá emprestar o lápis de um amigo para
colorir e no final todos terão um trabalho colorido.
Conclusão:
O primeiro desenho ficou com uma cor uniforme,
com isso acabou ficando feio, esquisito.
Mas quando eles emprestaram o lápis do amiguinho,
o desenho ficou mais bonito, colorido.
Com isso deve-se mostrar a criança que elas precisam se
unir e se ajudarem mutuamente,explica-se que quantas
outras crianças pobres que não tem o que eles tem,
por exemplo, brinquedos, comidas etc. Sendo assim, diante
de nossas possibilidades, devemos dar um pouquinho daquilo que temos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe seu recadinho!!!!